Gustavo Maia Gomes


Phd em Economia (University of Illinois, USA, 1985); Visiting Scholar (Cambridge University, England, 1987/88), Diretor do Ipea (Brasília, 1995-2003); Professor de economia da Universidade Federal de Pernambuco (1976-2009), Secretário de Planejamento de Pernambuco (1991), autor de livros e artigos; economista e escritor.







    Gabriela e suas amigas também querem passeata

    Públicado: 24 de Junho de 2013


    Minha filha mais nova tem 16 anos. Cursa a terceira série do ensino médio. Algumas de suas colegas e amigas vêm aqui em casa com certa frequência, de modo que as conheço razoavelmente bem. Não existem muitas diferenças intelectuais entre elas. Mas há algumas. Gabriela, talvez única entre as companheiras, gosta de livros. Os de Harry Potter, que têm, em média, de 300 a 400 páginas, ela os leu há anos. Ou ...



    Chavez, Mensalão, Seca, Eduardo Presidente e o Google Trends

    Públicado: 27 de Maço de 2013


    Quão popular era Hugo Chavez vivo, comparado a Hugo Chavez morto? Em que mês foi maior o interesse público pelo Mensalão, desde que aquele esquema de compra de votos foi revelado? Quando as pessoas manifestaram mais curiosidade em relação à seca no Nordeste? Desde que iniciou a campanha informal para Presidente, tem Eduardo Campos conseguido atrair mais atenção dos possíveis eleitores? Até recentemente, a &uacut ...



    A Estrada da Seca

    Públicado: 30 de Janeiro de 2013


    Esta é a crônica de um percurso entre Petrolina e o Recife, com pernoite em Triunfo. Breve, apenas dois dias, 13 e 14/1/2013, mas intenso. Guiado pelo objetivo principal de observar o Sertão, os sertanejos e a seca, logo reinterpretado, o objetivo, para atender ao princípio “qualquer coisa interessante justifica uma parada, uma foto, e dois dedos de prosa”. Os viajantes: Daniel, fotógrafo amador talentoso; Gabriela, sonolenta, como (por um crit&eacut ...



    Maomé, dinamites, e a mulher de Jesus

    Públicado: 27 de Setembro de 2012


    Enquanto ouço o melhor da música popular brasileira, tento escrever sobre Maomé e Jesus. Ambos frequentaram a mídia, esta semana. O primeiro, pelas razões habituais: incapazes de admitir opiniões diversas daquelas em que são obrigadas a acreditar, multidões de muçulmanos atearam fogo em tudo, a propósito de nada. Do segundo, descobriu-se que, além dos doze apóstolos, teve uma mulher. Dessa vez, Maom&eacu ...



    Seca e Criatividade

    Públicado: 13 de Setembro de 2012


    Estamos em setembro e a seca continua assolando o sertão nordestino, como o comprovam os fatos da vida, a leitura dos jornais e a assistência dos noticiários de televisão. Sobre o sofrimento de suas vítimas, muito já se escreveu. Mas as secas não causam apenas miséria: também inspiraram a criação de romances, músicas, pinturas, estudos científicos, teses acadêmicas e propostas de políticas. Al& ...



    Conflito e Conciliação: Políticas Regionais no Mundo

    Públicado: 24 de Agosto de 2012


    Excertos da “Introdução” ao livro Conflito e Conciliação: Políticas de Desenvolvimento Regional no Mundo Contemporâneo. Fortaleza, Banco do Nordeste, 2011. Versão digital em https://docs.google.com/file/d/0B_R9cylq9erzenJManB2dHlIX00/edit. Os países se dividem em regiões e as regiões, vez por outra, querem se dividir em novos países. (Conflito...) Ou podem vir a querer. Quando ainsatisfação se ...



    Espelho, espelho meu. Existe alguém mais Pinóquio do que eu?

    Públicado: 29 de Maio de 2012


    Espelho, espelho meu. Existe alguém mais Pinóquio do que eu? Gustavo Maia Gomes Uma intrigante peça teatral está sendo encenada no Brasil. Contrariamente às telenovelas, ela é realista e terá desfecho rápido. Os dois primeiros atos já foram encenados. Aguarda-se, agora, o último. PRIMEIRO ATO Na edição distribuída sábado, 26 de maio, a revista Veja publica o seguinte: Há um mês, o ministro Gilmar Mendes, do STF, foi convidado para uma conversa com Lula. O encontro foi real ...



    Congresso Nacional entre a reforma tributária e a lei que institui o Dia Nacional do Quilo

    Públicado: 21 de Maio de 2012


    Congresso Nacional entre a reforma tributária e a lei que institui o Dia Nacional do Quilo Gustavo Maia Gomes O que é o que é? Todo mundo diz querer Ninguém consegue fazer “FHC defende reforma tributária”; “Lula defende votar reforma tributária em 2008”; “Dilma se comprometeu com a reforma tributária”. Todo mundo diz querer. FHC não fez; Lula não fez; e “Dilma descarta reforma tributária ampla”. Ninguém consegue fazer. Por que? Até ontem, eu não sabia. Mas, impressionado c ...



    Considerações animalescas

    Públicado: 15 de Maio de 2012


    Considerações animalescas Gustavo Maia Gomes Está sendo realizada, no Recife, a Feira Nacional de Produtos e Serviços da Linha Pet e Veterinária, Fenapet. Um sucesso: até um dia antes do encerramento, 22 mil pessoas já tinham comparecido e comprado para seus cães e gatos, entre outras coisas, protetores solares, unhas postiças e ofurôs. Estimativas das vendas totais não foram fornecidas, mas a Fenapet serviu para confirmar e reforçar o atual dinamismo e as boas perspectivas da ec ...



    Cotas raciais, CPI do Cachoeira, terras pra índios... (Não precisa explicar, eu só queria entender)

    Públicado: 07 de Maio de 2012


    Cotas raciais, CPI do Cachoeira, terras pra índios... (Não precisa explicar, eu só queria entender) Gustavo Maia Gomes O subtítulo desta crônica repete o bordão do macaco-filósofo Sócrates, personagem do programa Planeta dos Homens (1976/82), da Rede Globo. Intrigado com as contradições dos humanos, Sócrates não parava de apontá-las, nem de fazer perguntas difíceis. Mas nunca dava tempo para a resposta, atropelando o ouvinte com um “não precisa explicar, eu só queria entender”. ...



    Garanhuns, 1549

    Públicado: 17 de Abril de 2012


    Garanhuns, 1549 Gustavo Maia Gomes Sei, perfeitamente, com a ajuda do Google, que Garanhuns só começou a existir em 1811. Mas o pavoroso crime ali perpetrado, na semana passada, me fez relembrar o século 16 e, neste contexto, uma temática importante da história brasileira, em seus primórdios: a antropofagia. MISSÃO O padre Manoel da Nóbrega chegou à Bahia em 1549, liderando o primeiro grupo de jesuítas. Sua missão era transformar em católicos europeus os nativos brasileiros, que ...



    Intermediação financeira e desigualdades regionais

    Públicado: 03 de Abril de 2012


    Intermediação financeira e desigualdades regionais Gustavo Maia Gomes Nos últimos cinquenta anos, grandes mudanças aconteceram na nossa economia regional: vazios demográficos foram ocupados; houve redução (até 1991; aumento, depois) das diferenças entre os PIBs per capita das regiões; diminuíram as disparidades econômicas entre os municípios; reduziu-se a distância social entre as regiões. Alguns ícones da desigualdade, contudo, permaneceram intactos. Por exemplo: em 1960, o Nordeste ...



    Quem matou Itamaracá, Maria Farinha, Pontas de Pedras...?

    Públicado: 13 de Maço de 2012


    Quem matou Itamaracá, Maria Farinha, Pontas de Pedras...? Gustavo Maia Gomes Há trinta anos, as praias de Itamaracá, Pontas de Pedras, Pau Amarelo, Conceição, Maria Farinha eram a esperança turística de Pernambuco. Hoje, aquilo é uma terra arrasada, aonde os turistas fazem questão de não ir. Quem matou o Litoral Norte foi uma sucessão de prefeitos irresponsáveis e de governadores descuidados. (Confira a lista, ao final desta matéria.) É preciso impedir que isso se repita, ...



    Imposto, sempre; de renda, às vezes

    Públicado: 06 de Maço de 2012


    Imposto, sempre; de renda, às vezes Gustavo Maia Gomes http://www.gustavomaiagomes.blogspot.com gustavomaiagomes@gmail.com Quem ainda precisa de padres? Hoje, nos confessamos à Receita Federal. De 1o de março a 30 de abril, 25 milhões de brasileiros prestarão suas contas ao imposto de renda. Por dinheiro nenhum perca este prazo: nem os Dez Mandamentos, somados à Fogueira Santa de Israel e aos cinco mil livros de Chico Xavier são tão sagrados quanto um CPF em dia. Amém. Tudo ...



    Quem faz o quê no Facebook?

    Públicado: 28 de Fevereiro de 2012


    Quem faz o quê no Facebook? Gustavo Maia Gomes A Deloitte, empresa internacional de consultoria, calcula que, na União Europeia, o Facebook (FB, para os íntimos) e as empresas dele dependentes respondem por 232 mil empregos e por 15,3 bilhões de euros (R$ 35 bilhões) em valor anualmente produzido. Nos Estados Unidos, a Universidade de Maryland estima que a rede social criou 182 mil empregos e faz pagamentos anuais de 12,2 bilhões de dólares (R$ 21,6 bilhões) em salários. Para um ser ...



    Euro era ouro. Virou besouro

    Públicado: 23 de Fevereiro de 2012


    Euro era ouro. Virou besouro Gustavo Maia Gomes Grécia atolada em dívidas, o euro prestes a desmanchar, desemprego crescente, economias declinantes, depredações em Atenas, pavor de uma crise bancária, repetidos deixa-cum-nói de Merkel e Sarkozy... Nos jornais, 1.234 notícias sobre a crise; na internet, 4.321 outras. Leio todas. Será que entendi alguma coisa? Inseguro, divido com o leitor o estado atual de minha ignorância. RAÍZES A interpretação mais difundida da crise é, em ...



    Sexo, drogas e rock-and-roll

    Públicado: 14 de Fevereiro de 2012


    Sexo, drogas e rock-and-roll Gustavo Maia Gomes Três palavras sempre em moda (assim como o que elas representam): sexo, drogas e rock-and-roll. SEXO Os crimes de pedofilia cometidos pelos padres já custaram à Igreja Católica mais de dois bilhões de dólares em indenizações. O cálculo foi apresentado na semana passada, em reunião promovida pelo Vaticano para discutir o escândalo. Só nos Estados Unidos, cem mil pessoas se declararam vítimas de abusos semelhantes. Os casos ...



    Facebook com mandioca

    Públicado: 08 de Fevereiro de 2012


    Facebook com mandioca Gustavo Maia Gomes Duas notícias se destacaram, na semana passada. Aparentemente desconectadas, após análise mais profunda fica claro que elas não têm mesmo nenhuma relação entre si. 1. O Facebook encaminhou à agência americana que fiscaliza as bolsas de valores pedido de lançamento público inicial de ações (IPO, na sigla em inglês). O Brasil, onde o serviço tem crescido vertiginosamente, é citado oito vezes na documentação que instrui o processo. 2. Eliza ...



    Luíza e outras celebridades sem causa

    Públicado: 01 de Fevereiro de 2012


    Luíza e outras celebridades sem causa Gustavo Maia Gomes Antes que o leitor descubra, digo eu: há muita inveja mal disfarçada neste texto. Ele trata das celebridades instantâneas, uma espécie de gente subitamente alçada à fama, mas que, em geral, não sabe fazer nada: a gostosinha foderosa do Big Brother, o futebolista incompetente convocado para a seleção, a Luíza citada no comercial televisivo. (Ela está cobrando quinze mil reais para aparecer em festas de grã-finos. Que raiva.) ...



    Quando os estrangeiros são bem-vindos

    Públicado: 24 de Janeiro de 2012


    Quando os estrangeiros são bem-vindos Gustavo Maia Gomes De acordo com notícia recente de O Globo online, o governo federal, por meio da Secretaria de Estudos Estratégicos, estuda novas regras para a imigração de trabalhadores: “Brasil quer facilitar vistos para profissionais estrangeiros altamente qualificados”. Será, mesmo, necessário? O leitor pode fazer seu juízo. Para tanto, além de fatos, relaciono abaixo umas poucas proposições acompanhadas de razões que demonstram serem elas ...



    Saci, Careca e Pescoço

    Públicado: 17 de Janeiro de 2012


    Saci, Careca e Pescoço Gustavo Maia Gomes Ao contrário da fruticultura irrigada, que só existe onde há água, o futebol está em toda parte. É um grande negócio, que ninguém pode ignorar, pois sobre ele os jornais escrevem, as rádios falam, as tevês mostram, os repórteres reportam, os comentaristas comentam e os torcedores distorcem. Ainda mais agora quando, reabertos os campeonatos estaduais, os clubes contratam novos jogadores. E que jogadores! Se colocados juntos, formariam a se ...



    As ligações perigosas

    Públicado: 26 de Dezembro de 2011


    As Ligações Perigosas Gustavo Maia Gomes Choderlos de Laclos publicou o seu romance Les liaisons dangereuses em 1782. Se o tivesse escrito no Brasil de hoje, as ligações perigosas de que fala bem poderiam ser aquelas que se estabeleceram entre juízes e deputados. Perigosas para o país, bem entendido; muito lucrativas para eles. *** Duas notícias se destacaram na semana passada – uma nacional, outra, pernambucana, mas com repercussões que se ampliarão muito no tempo e no espaço: ...



    Papai Noel, enforcado, está vivo

    Públicado: 20 de Dezembro de 2011


    Papai Noel, enforcado, está vivo Gustavo Maia Gomes Em 24 de dezembro de 1951, o personagem conhecido como Papai Noel morreu na forca – e foi queimado, em seguida –, sob a acusação de transformar o Natal num evento de consumo. Isso ocorreu na catedral de Dijon, França. Os padres locais aprovaram tudo, mas não conseguiram evitar que o morto reaparecesse, alguns dias depois, na mesma cidade. Lépido e fagueiro, curtindo sua fama, que não é pouca. Nem surpreendente: uma vez por an ...



    Reincidências alagoanas

    Públicado: 12 de Dezembro de 2011


    Reincidências alagoanas Gustavo Maia Gomes Sob muitos aspectos, Alagoas é uma decepção. Estado, relativamente, rico em recursos naturais, tem uma economia truncada, fortemente dependente da cana-de-açúcar e seus produtos, e uma situação social deplorável até para os padrões nordestinos. De onde vêm tantos problemas? A resposta envolve muitos fatores, mas, dentre eles, a política tem lugar de destaque. Confira, abaixo, uns poucos retratos impressionistas (e impressionantes) de como o ...



    Onde fica o Recife?

    Públicado: 05 de Dezembro de 2011


    Onde fica o Recife? Gustavo Maia Gomes Dentro de alguns anos, quando um turista perguntar “onde fica o Recife?”, ouvirá como resposta “ao lado do chópin”. Estou pensando no principal desses monstrengos urbanos, já quase tão grande quanto a cidade que o cerca. O maior do Nordeste, do Brasil, do mundo – incluindo a Guatemala. Tem uma doença: gigantismus pathologicum; e um sintoma: não para de crescer. Nas proximidades, em terrenos que ainda não são chópins, outro deles está sendo er ...



    O Homem que virou navio

    Públicado: 01 de Dezembro de 2011


    O Homem que virou navio Gustavo Maia Gomes Conhecida pela facilidade com que troca de nome, a atual capital paraibana começou a existir em 1585, como Povoação de Nossa Senhora das Neves. Logo depois, num sinal de progresso, ganharia o prestígio de cidade, sem conseguir melhorar de santa. Em 1600, viria a ser Filipeia; em 1817, Parahyba; em 1930, João Pessoa. – Terminou? Não. O atual nome homenageia um político de mérito e importância discutíveis. João Pessoa apoiara Getúlio Va ...



    Sermão de Montaigne

    Públicado: 21 de Novembro de 2011


    Sermão de MontaigneGustavo Maia Gomes Há poucos dias, noticiou o site G1, da Globo.com: A estimativa dos economistas dos bancos [sempre os bancos] para o crescimento do Produto Interno Bruto de 2011 caiu de 3,20% para 3,16%. Para 2012, a previsão do crescimento da economia brasileira permaneceu estável em 3,50%. Se ficássemos apenas com o ano corrente, menos mal. Meros 45 dias nos separam de 31 de dezembro; portanto, este “futuro” já está, em larga medida, determinado. A probabi ...



    Pernambuco precisa de uma nova cidade  

    Públicado: 16 de Novembro de 2011


    Pernambuco precisa de uma nova cidade Gustavo Maia Gomes Assim como acontece no entorno dos portos de Pecém (CE) e Suape (PE), o Litoral Norte pernambucano vive a expectativa otimista de uma revolução econômica. A montadora de automóveis Fiat está prestes a ali se instalar; a construção de um porto e um aeroporto é uma possibilidade real; vários outros empreendimentos, alguns, grandes, outros, enormes, também foram anunciados. Com a Fiat, virão dezenas de fornecedoras; com o comple ...



    Juntar três letras não é explicar o mundo  

    Públicado: 07 de Novembro de 2011


    Juntar três letras não é explicar o mundo Gustavo Maia Gomes “No princípio, era o verbo”, diz a Bíblia, descrevendo a criação do mundo; “no princípio, era a verba”, dizem os políticos, justificando a ocupação dos ministérios. Já os economistas, se quisessem produzir uma frase comparável, talvez dissessem: “no princípio, era o PIB”. No princípio, talvez; hoje, não mais. Pois temos o PIB, o IGP, o IPC, o IDH... Com três letras, explicamos o mundo. – Ah, tem um com quatro: o IFDM... ...



    Não surpreende, preocupa

    Públicado: 31 de Outubro de 2011


    Não surpreende, preocupa Gustavo Maia Gomes Uma notícia ruim, para os que gostariam de habitar um país menos desigual: o ComitêGestorda Internet informa que, no Brasil, 35% dos domicílios possuem computador; no Nordeste, somente 14%. Menos da metade. Em termos de domicílios com acesso à Internet, os números são 27% e 11%, respectivamente. A situação relativa é um pouco menos grave na proporção da população usuária da Internet: 41% no Brasil, 28% no Nordeste. ...



    Haja lixo hospitalar

    Públicado: 24 de Outubro de 2011


    Haja lixo hospitalar Gustavo Maia Gomes Aconteceu no porto de Suape: uma carga comprada por empresa de Santa Cruz do Capibaribe (PE), oficialmente descrita como “tecidos defeituosos”, continha, na verdade, descartes hospitalares. Começava um escândalo com devastadoras implicações para a imagem do polo de confecções do Agreste pernambucano. Mas era só a ponta do iceberg. Nos dias seguintes, alertada pelo noticiário, gente de todo o país relatou ter comprado roupas com inscrições ho ...



    Imigrantes do mundo, uni-vos

    Públicado: 17 de Outubro de 2011


    “Imigrantes do mundo, uni-vos” Gustavo Maia Gomes Um estudo do Banco Mundial (veja a referência no final deste artigo) cobrindo todos os países nos últimos dois séculos e meio propõe-se a explicar a riqueza ou a pobreza relativa das pessoas respondendo a apenas duas perguntas: (1) o chefe da família é um capitalista? e (2) em que país ele mora? As principais conclusões são as seguintes: (1) Em meados do século 19, o primeiro fator respondia por metade da desi ...