Confiança dos consumidores cai pelo 4° mês seguido

Fonte: InvestNE, publicado em 24 de Agosto de 2012


Índice de Confiança do Consumidor (ICC) recuou 1% entre julho e agosto

 

De acordo com uma pesquisa da Fundação Getulio Vargas (FGV), os consumidores brasileiros ficaram menos confiantes pelo quarto mês seguido. O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) recuou 1% entre julho e agosto, para 120,4 pontos. Esta é a quarta queda consecutiva no indicador, que está no menor nível desde fevereiro (119,4). Entre julho e agosto, houve diminuição do grau de satisfação em relação ao momento atual. o Índice da Situação Atual (ISA) caiu 1,4%, ao passar de 135,4 para 133,5 pontos.

 

A satisfação dos consumidores com relação à situação econômica local foi o quesito com maior queda. A proporção de consumidores que avaliam a situação atual como boa diminuiu de 25,2%, em julho, para 23,9%; a dos que a julgam ruim aumentou de 20,6% para 22,9%. Já o Índice de Expectativas (IE) subiu ligeiros 0,3%, para 113 pontos. A maior alta ocorreu nas expectativas das famílias em relação às finanças pessoais.

 

A parcela de consumidores que projetam a melhora do orçamento doméstico nos meses seguintes passou de 39,9% para 40,4%;a dos que preveem piora manteve-se praticamente estável, ao passar de 4,2% para 4,1%. A Sondagem de Expectativas do Consumidor é feita com base numa amostra com mais de 2.000 domicílios em sete capitais brasileiras.

 

Do Brasil Econômico