Medidas de defesa comercial contra a China e os Estados Unidos entram em vigor

publicado em 11 de Abril de 2011


(Clique aqui para ler a matéria na fonte)

Fonte: Agência Brasil

Da Agência Brasil

Brasília – As medidas de defesa comercial tomadas pelo governo contra a concorrência de produtos chineses e norte-americanos entraram em vigor hoje (8).

As resoluções que tratam da aplicação de direitos antidumping sobre importações de viscose da China e do solvente n-Butanol dos Estados Unidos, foram publicadas no Diário Oficial da União de hoje. A Câmara de Comércio Exterior (Camex) resolveu que as práticas são desleais às empresas brasileiras.

O Brasil vai aplicar direito antidumping definitivo, por até cinco anos, sob a forma de alíquota específica fixa de U$ 4,10 por quilograma, para as importações de malhas de viscose da China, com ou sem elastano.

No caso, das importações de n-Butanol proveniente dos Estados Unidos, será aplicado direito antidumpingprovisório, por até seis meses, sob a forma de alíquota específica.

A publicação também traz concessões de novos Ex-tarifários, que são reduções temporárias do Imposto de Importação de bens de capital e bens de informática e telecomunicações, quando não há produção nacional.

Edição: Rivadavia Severo